Segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020
PESQUISAR NO SITE
10/02/2020 | 11:15 | Notícias | Diversos

Pista de motocross do parque de exposições será extinta em Três de Maio

O Conselho Gestor do Parque de Exposições Germano Dockhorn de Três de Maio, emitiu um comunicado à imprensa informando que a pista de motocross será extinta. A justificativa é que o espaço vai ser utilizado para comtemplar o setor do agronegócio que até o momento ocorre em uma área alugada. Conforme pesquisa de satisfação, os expositores e visitantes teriam reclamado do local em que o setor do agronegócio encontra-se com os maquinários agrícolas e equipamentos, bem como demonstração de culturas e novas tecnologias durante eventos como Expofeira e Expo Terneira.

A nota de esclarecimento frisa que como dentro do parque não há outra área que atenda as especificidades da exposição do agronegócio, tornou-se necessário utilizar a área antes destinada ao parque de diversões e ao motocross.

As máquinas iniciaram na manhã desta segunda-feira (10), a desmonte da pista.

Confirna a nota na íntegra

Nota de Esclarecimento

O Conselho Gestor do Parque de Exposições Germano Dockhorn de Três de Maio, composto pela Prefeitura Municipal, Associação Comercial e Industrial e a Fundação de Capacitação e Desenvolvimento, vem por meio deste esclarecer as alterações do Plano Diretor do mesmo.

Três de Maio é um centro do agronegócio regional. Esta condição se expressa na pujança das atividades agropecuárias, notadamente a pecuária leiteira e as grandes culturas como soja, milho e trigo, através da Produção, Industrialização e Comercialização de Insumos e Máquinas.

Nos últimos 30 anos, a produtividade do leite quadriplicou, passando dos cerca de 5 lts/vaca/dia para cerca de 18 lts/vaca/dia. Nas atividades agrícolas, o cenário é semelhante, pois o trigo saiu de um potencial de 25 sacas/há para 60 sacas/há, enquanto a soja evoluiu de cerca de 30 sacas/há para 60 a 70 sacas/há, já a produtividade do milho, teve um crescimento ainda maior, saindo de uma estimativa de 50 sacas/há para um potencial de 180 a 200 sacas/há.

Os recursos que a atividade rural produz, irrigam a indústria, comércio e serviços que cresceram também exponencialmente no período.

Mas esse crescimento todo, não vem por acaso, sendo que em primeiro lugar está o trabalho e o espírito empreendedores dos produtores rurais e do setor de tecnologia, especialmente insumos, máquinas e equipamentos.

Em Três de Maio e na microrregião, estão instaladas algumas das mais importantes indústrias de máquinas e equipamentos, cooperativas e empresas com abrangência regional, nacional e até internacional, sendo estas fundamentais no aporte tecnológico, comercial, energético e creditício.

Se olharmos com atenção, veremos que em nossa região, quase tudo gira em torno do agronegócio.

Os principais eventos que ocorrem no Parque de Exposições Germano Dokhorn, a Expofeira e Expo Terneira, carecem de uma área especifica e própria para a instalação e exposição do setor de máquinas e equipamentos, bem como demonstração de culturas e novas tecnologias. Até no momento a área usada para este fim, era alugada, impossibilitando a disponibilização de uma estrutura adequada, além de estar situada em um local pouco atrativo e de baixo reconhecimento dos expositores e público visitante. Esta foi uma constatação evidenciada pela pesquisa realizada durante a última Expofeira.

Diante de todas estas circunstâncias, impõe-se a necessidade de local próprio dentro do Parque de Exposições, para que se possa prover de caminhos, irrigação e demais infraestruturas condizentes com a expressão do agronegócio.

Como dentro do parque não há outra área que atenda as especificidades da exposição do agronegócio, tornou-se necessário utilizar a área antes destinada ao parque de diversões e ao motocross.


Conselho Gestor do Parque de Exposições Germano Dockhorn de Três de Maio

Fotos: Bruna Mireski

Fonte: No Ar Notícias

Clique na imagem para ampliar